terça-feira, 30 de abril de 2013

Brasil terá indicador de bem-estar e felicidade

http://www.diariodasaude.com.br/news.php?article=brasil-tera-indicador-bem-estar-felicidade&id=8771&nl=nlds
Já entrou no ar o site que coletará dados para o Índice de Bem-Estar Brasil, um indicador inédito no país que vai mensurar o nível de bem-estar dos brasileiros a partir das necessidades e anseios da população.
As discussões sobre a felicidade ganharam relevância mundial a partir da Rio+20, quando se propôs a criação de um índice de felicidade como alternativa ao PIB.
Este é o objetivo do novo projeto, que pretende complementar os indicadores que estimam o crescimento econômico e o desenvolvimento nacional.
O trabalho é resultado de uma parceria entre a Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV-EAESP), o Movimento Mais Feliz e a rede social MyFunCity.
O objetivo é permitir que os cidadãos avaliem a qualidade das cidades a partir de 12 indicadores relacionados ao trânsito, segurança, meio ambiente, bem-estar, saúde e educação.
FIB - Felicidade Interna Bruta
O Índice de Bem-Estar Brasil (WBB) será desenvolvido com base em dados fornecidos pelos cidadãos sobre temas como clima e atividades ao ar livre, transporte e mobilidade, família, redes de relacionamento, profissão e dinheiro, educação, governo, saúde, segurança e consumo.
A construção do indicador se dará mediante ação conjunta entre academia, empresa e movimentos sociais. Seu objetivo é possibilitar o entendimento do que é considerado importante e essencial pela população e quais as demandas do país.
O processo para elaboração do índice é composto por três fases.
A primeira é a coleta de dados para chegar à primeira proposta do que é essencial para cidadãos de todas as classes sociais e regiões do país. A partir daí, serão realizadas audiências públicas em dez cidades brasileiras com a presença de gestores públicos e sociedade civil para apresentar dados coletados, compartilhar sugestões e críticas que possibilitem qualquer ajuste necessário no processo. A última fase será a apresentação do primeiro indicador, prevista para dezembro deste ano.
A partir da adoção do WBB, espera-se, ao refletir o grau de bem-estar da população, construir políticas públicas e ainda oferecer condições de prospecção de oportunidades de negócios orientados à promoção do bem-estar.
O questionário completo que vai reunir as informações sobre o bem-estar e a felicidade dos brasileiros está disponível no site http://www.wbbindex.org, com versões em português e inglês.

Nenhum comentário: